Banner 300 x 250
Banner 250 x 250

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

PRESCRIÇÃO FARMACÊUTICA

SELEÇÃO PARA 2º TURMA DO QUALIPHARMA ESPECIALIZAÇÃO

CRF-RJ entende como fundamental a capacitação dos farmacêuticos do Rio de Janeiro, com este intuito lança a 2º turma do programa QUALIPHARMA ESPECIALIZAÇÃO, Programa de Incentivo a Especialização Farmacêutica.
Com o objetivo de fomentar o ensino e facilitar acesso a especialização e incentivo a Farmácia Clínica e a Prescrição Farmacêutica. O CRF-RJ torna público o convênio firmado com instituição de pós graduação (ICTQ) visando abertura de inscrições para seleção e encaminhado ao preenchimento de vagas do Corpo Discente ao curso de Pós-Graduação em Farmácia Clínica e Prescrição Farmacêutica a um preço de custo.
Leia o Edital Completo

Curso: Pós-Graduação em Farmácia Clínica e Prescrição Farmacêutica (Aulas Práticas)
Duração: 400 horas/aulas.
Local de realização das aulas: Rua do Carmo, n° 71, 2º andar, Centro no Edifício Imperial Carmo.
Vagas: 100 (cem vagas para farmacêuticos regulamente inscritos no CRF-RJ).
Matrícula: Através do convênio foi obtida a isenção da taxa.
Investimento: 30 parcelas de R$ 249,00(duzentos e quarenta e nova reais).
Aulas: Aulas realizadas preferencialmente aos sábados, das 08 h às 17 h, em períodos prioritariamente quinzenais.
Coordenação: Dr. Dirceu Raposo de Melo.
Certificação: Certificação dupla (ICTQ e IES Parceira). Certificação é reconhecida pelo MEC, atendendo ao que preconiza a Resolução 01, de 08/06/2007, Conselho Nacional de Educação, publicada no D.O.U. de 08/06/07, que estabelece normas para o funcionamento de Cursos de Pós–Graduação.

 Fonte: CRF-RJ

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

DOLUTEGRAVIR SERÁ DISTRIBUÍDO PELO SUS

O MEDICAMENTO DOLUTEGRAVIR, UTILIZADO PARA TRATAR PACIENTES COM HIV, SERÁ DISTRIBUÍDO PELO SUS A PARTIR DE 2017.
A decisão anunciada nessa quarta-feira (28/09/16) pelo Ministério da Saúde faz com que o Dolutegravir passe a ser utilizado como medicamento de primeira linha, no lugar do Efavirenz associado ao 2 em 1 (Lamivudina + Tenofovir).
Segundo o MS, Cerca de 100 mil pacientes portadores do vírus receberão o tratamento gratuitamente até o final de 2017.
Fonte: Portal Brasil

“Estamos ousando oferecer o melhor tratamento do mundo pelo menor preço possível”, destacou o ministro da Saúde, Ricardo Barros, durante a cerimônia de anúncio do novo medicamento. Segundo o ministro, esse é um desafio para todas as áreas da pasta, e não apenas para o combate ao HIV e Aids.
“Temos a clareza de que é possível fazer mais com os recursos que temos disponíveis. A nossa política é ousar e a marca de nossa gestão é oferecer mais eficiência, possibilitando melhorar o tratamento e a oferta de medicamentos no SUS com menor custo, sem onerar o orçamento”, ressaltou o ministro.
Para a diretora do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, do Ministério da Saúde, Adele Benzaquen, mais importante do que reafirmar o papel do País na vanguarda da condução da política de combate ao HIV e Aids, a incorporação do Dolutegravir reforça o compromisso maior do Ministério da Saúde de oferecer às pessoas que vivem com HIV e Aids a melhor tecnologia existente de forma sustentável.
“O Dolutegravir apresenta uma série de vantagens para essas pessoas. Além de potência muito mais alta, o novo medicamento apresenta um nível muito baixo de eventos adversos” esclareceu a diretora. Além disso, a diretora reforçou que o novo medicamento também apresenta maior eficácia ao longo do tempo, o que acarreta o menor aparecimento de vírus resistentes ao longo do tratamento. “Isso possibilita maior qualidade de vida aos pacientes ao longo dos anos”, reforçou a diretora.
Foto: http://agenciaaids.com.br



terça-feira, 27 de setembro de 2016

EXPOSIÇÃO: VESTIDA DE NOIVA. PATIO MIX COSTA VERDE

Exposição Vestida de Noiva já começou no Shopping Pátio Mix Costa Verde.
A exposição reúne fotos do fotógrafo Wellington Alves do Costa Verde Studio Fotográfico e valoriza noivas da região.
Organizada pela BI Consultoria e Soluções Empresariais, a Bi Eventos organiza a nona exposição nesse formato para o artista e divulga  novidades em parceria com o shopping e diversas empresas do segmento de festas.
Haverá a produção de noiva, Whorshop sobre o assunto, sorteio e descontos especiais que serão divulgado no próximo dia 09/09 (sexta).  A exposição reúne parte do acervo do fotógrafo  do artista e dezena de registros de noivas que foram fotografadas pelo profissional, valorizando cada detalhe do vestido, realçando a beleza da fotografada.
A exposição fotográfica fica em cartaz de 9 á 30 de setembro ,sempre de 10h as 21h. O Shopping Pátio Mix Costa Verde fica na Rod. Rio-Santos em Itaguaí, RJ.


Exposição organizada pela Bi Eventos nos últimos anos para o Wellington Alves:
  • Julho de 2014 – “Câmeras Antigas do acervo do Wellinton Alves” – Casa de Cultura de Itaguaí.
  • Julho de 2014 – “Um Olhar Sobre Itaguaí” Shopping Pátio Mix Costa Verde.
  • Dezembro de 2014 – “Câmeras Antigas do acervo do Wellinton Alves” CEFEC – Centro Ferroviário de Cultura (estação de Itacuruçá).
  • Janeiro de 2015 – “Um Olhar Sobre Itaguaí” Itaguaí Shopping Center.
  • Maio de 2015 – “Especial Mães” Itaguaí Shopping Center.
  • Julho de 2015 – “Meu amigo PET” Itaguaí Shopping Center.
  • Dezembro de 2015 “ Meu filho é uma estrela” Itaguaí Shopping Center.
  • Junho e julho de 2016 – “Vestida de Noiva” Itaguaí Shopping Center.
  • Setembro de 2016 – “Vestida de Noiva” Shopping Pátio Mix Costa Verde.

 
Visite o site

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

29 DE AGOSTO - DIA NACIONAL DE COMBATE AO FUMO

DIA 29 DE AGOSTO. DIA NACIONAL DE COMBATE AO FUMO
Clique aqui e saiba mais
Fonte: http://www.combateaocancer.com
Desde o final da década de 1980, sob a ótica da promoção da saúde, a gestão e governança do controle do tabagismo no Brasil vem sendo articulada pelo Ministério da Saúde através do INCA, o que inclui um conjunto de ações nacionais que compõem o Programa Nacional de Controle do Tabagismo (PNCT). O Programa tem como objetivo reduzir a prevalência de fumantes e a consequente morbimortalidade relacionada ao consumo de derivados do tabaco no Brasil seguindo um modelo lógico no qual ações educativas, de comunicação, de atenção à saúde, junto com o apoio a adoção ou cumprimento de medidas legislativas e econômicas, se potencializam para prevenir a iniciação do tabagismo, principalmente entre adolescentes e jovens; para promover a cessação de fumar; e para proteger a população da exposição à fumaça ambiental do tabaco e reduzir o dano individual, social e ambiental dos produtos derivados do tabaco. O PNCT articula a Rede de Tratamento do Tabagismo no SUS, o Programa Saber Saúde, as Campanhas e outras ações educativas e a Promoção de Ambientes Livres.
Em novembro de 2005, o Brasil ratifica a Convenção Quadro para Controle do Tabaco, primeiro tratado internacional de saúde pública que tem como objetivo conter a epidemia global do tabagismo. A implantação do Programa Nacional de Controle do Tabagismo passa então a fazer parte da Política Nacional de Controle do Tabaco, que é orientada ao cumprimento das medidas e diretrizes da CQCT pelo país. Cabe ressaltar, que por todo o trabalho que já vinha sendo realizado, o Brasil teve um papel de destaque no processo de negociação deste Tratado. 

Fonte: http://www.cabesp.com.br


PARE DE FUMAR AGORA!!! TENHA CERTEZA, VOCÊ PODE... DEIXE ESSA FUMAÇA PARA TRÁS.





quinta-feira, 11 de agosto de 2016

I SEMINÁRIO INTERNACIONAL DAS REDESFITO

Estão abertas as inscrições para o I Seminário Internacionla das RedesFito: Inovação e Biodiversidade na Perspectiva da Sustentabilidade...

Fonte: Farmanguinhos



  O Seminário está sendo promovido pelo Instituto de Tecnologia em Farmacos - Farmanguinhos...


 


sexta-feira, 8 de julho de 2016

VERSÃO INFANTIL DO MEDICAMENTO USADO NO TRATAMENTO DO H1N1

  Estudo inédito vai avaliar a magnitude dos riscos à saúde causados pelo vírus zika; - Lei que permite entrada forçada em imóveis contra o Aedes é sancionada; - Acordo entre governo e indústria já retirou mais de 14 mil toneladas de sódio dos alimentos processados; - Versão infantil do medicamento usado no tratamento do H1N1 vai passar a ser disponibilizada pelo SUS. 
 
Fonte: Canal Saúde Fiocruz

segunda-feira, 4 de julho de 2016

I FÓRUM DE SAÚDE LEAN DO RIO DE JANEIRO 2016

I FÓRUM DE SAÚDE LEAN DO RIO DE JANEIRO
CENTRO DE CONVENÇÕES MOURISCO

14 DE JULHO DE 2016

"Junte-se aos maiores especialistas no assunto e venha participar do I Fórum de Saúde Lean do Rio de Janeiro. Conheça os desafios e as vantagens da utilização do Lean Healthcare nos Hospitais. " 


segunda-feira, 27 de junho de 2016

terça-feira, 14 de junho de 2016

EXPOPHARMA 2016




A Expo Pharma, a mais completa Feira de Negócios dedicada ao crescimento do setor farmacêutico, vai acontecer nos dias 21 a 22 de setembro de 2016, no Hotel Windsor Barra. O evento reúne indústrias, distribuidores, prestadores de serviços, proprietários e gestores de farmácias, para o lançamento de produtos e serviços direcionados ao crescimento do setor!
E você? Vai ficar de fora? Agende-se e participe!

quarta-feira, 1 de junho de 2016

TESTE RÁPIDO PARA DIAGNOSTICO DE ZIKA.

TESTE RÁPIDO PARA DETECÇÃO DO ZIKA VÍRUS É UM DESENVOLVIMENTO NACIONAL. BRASIL SAI NA FRENTE


CRIADO POR PESQUISADORES DA BAHIA, O TESTE DÁ RESULTADO AO PACIENTE EM 20 MINUTOS


Agência Brasil - A Secretaria de Saúde da Bahia obteve o registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e apresentou hoje (31) em Salvador, o primeiro teste sorológico rápido nacional para detecção do Zika vírus. Assim, o exame que costumava levar semanas terá resultado em até 20 minutos.
O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, destaca que o teste rápido facilitará a vida da população, ao permitir às mulheres, por exemplo, saberem se já foram ou estão infectadas pelo vírus.
"Hoje existe uma quantidade de pessoas com sintomas que não têm o diagnóstico definitivo, ou seja, você acha que a pessoa tem a Zika vírus, mas pode ser uma outra virose. A partir de agora, principalmente para as mulheres em idade gestacional, ter a informação se ela teve ou ainda não Zika é extremamente relevante para a decisão dela, em iniciar uma gestação", ressalta Fábio Villas-Boas.

Como o teste é feito

O dispositivo tem duas fitas portáteis, que usam uma pequena amostra de soro do paciente. Uma das fitas reage com o anticorpo IgM, identificando infecções de até duas semanas. Já o segundo cassete reage ao IgC e identifica se o paciente já teve a infecção há mais tempo. Isso permite que o teste rápido detecte os anticorpos contra o vírus da Zika, no organismo do paciente, em qualquer fase da doença.
"O Zika antes era diagnosticado em laboratório através do PRC (método que detecta a presença de carga genética do vírus), o que era demorado e muito custoso. A partir de agora, poderemos oferecer o diagnóstico em qualquer posto de saúde nos lugares mais distantes do país e em apenas 20 minutos a população terá a resposta se tem ou teve Zika", explica o secretário.

Parceria

O teste foi desenvolvido em parceria da Sesab com uma empresa sul-coreana, que transferiu a tecnologia ao laboratório fabricante, a Fundação Baiana de Pesquisa Científica e Desenvolvimento Tecnológico, Fornecimento e Distribuição de Medicamentos (Bahiafarma), ligado à Secretaria de Saúde do Estado. Com a autorização concedida pela Anvisa, o laboratório aguarda o pedido do Ministério da Saúde para iniciar a fabricação e distribuição a toda a população brasileira. A previsão inicial pode ser de até 500 mil testes por mês.
"O processo iniciou-se em agosto do ano passado, com a assinatura do protocolo, porém o desenvolvimento do produto ocorreu entre setembro e janeiro e nós começamos a fazer escalonamento de lotes-piloto para registro do produto", conta o diretor-presidente do Laboratório público, Bahiafarma, Ronaldo Dias.
Não se sabe ainda, no entanto, quando o Ministério da Saúde fará o pedido para fabricação dos produtos. 


quarta-feira, 4 de maio de 2016

QUER USAR BCAA?

VOCÊ ESTÁ PENSANDO EM UTILIZAR SUPLEMENTAÇÃO ALIMENTAR, INCLUINDO O BCAA? ENTÃO, É IMPORTANTE SABER UM POUCO MAIS SOBRE ESSE SUPLEMENTO
Todo mundo já ouviu falar de BCAA, seja na TV, na academia, internet, através de amigos, e assim por diante.. Mas afinal, o que significa é BCAA? Realmente quando lemos a definição, ficamos confusos, pois BCAA é uma sigla em inglês que significa Branched Chain Amino Acids, mas fique tranquilo, pois neste post vamos explicar tudo para você!!!
Antes de saber o que são BCAA’s você precisar saber o que é aminoácido.. Então, explicando de uma forma bem simples e resumida, aminoácido é um pedacinho da proteína. Ou, se você preferir uma explicação mais científica: Um aminoácido é uma molécula orgânica que contém um grupo amina e um grupo carboxila. Alguns aminoácidos também podem conter enxofre. A forma mais importante dos aminoácidos, os alfa-aminoácidos, que formam as proteínas, tem, geralmente, como estrutura um carbono central (carbono alfa, quase sempre quiral) ao qual se ligam quatro grupos: o grupo amina (NH2), grupo carboxílico (COOH), hidrogênio e um substituinte característico de cada aminoácido.
Os aminoácidos se unem através de ligações peptídicas, formando os peptídeos e as proteínas. Para que as células possam produzir suas proteínas, elas precisam de aminoácidos, que podem ser obtidos a partir da alimentação ou serem fabricados pelo próprio organismo.
Funciona assim: AMINOÁCIDO -> PROTEÍNA -> MÚSCULO ( para se ter músculo, tem que ter proteína, e para se ter proteína, tem que ter aminoácidos).
Temos dois tipos de Aminoácidos, que são:
  • AMINOÁCIDOS NÃO ESSENCIAIS: Aminoácidos não-essenciais ou dispensáveis são aqueles que o corpo humano pode sintetizar, ou seja, produzir. São eles: alanina, asparagina, ácido aspártico, ácido glutâmico, serina;
  • AMINOÁCIDOS ESSENCIAIS: Os aminoácidos essenciais são aqueles que não podem ser produzidos pelo corpo humano. Dessa forma, são somente adquiridos pela ingestão de alimentos, vegetais, animais ou suplementos. São eles: fenilalanina, isoleucina, leucina, lisina, metionina, treonina, triptofano, histidina e valina.

Entendendo o que é BCAA


O BCAA (Branch Chain Amino Acids) que traduzindo para português quer dizer Aminoácidos de Cadeia Ramificada, são aminoácidos essenciais (o organismo não produz e é proveniente da dieta), são constituídos de 3 aminoácidos: valina, isoleucina e leucina.
Continue lendo.
O BCAA é de especial interesse para os esportistas, fisiculturistas, praticantes de atividades físicas em geral porque são metabolizados nos músculos. Eles podem ser usados para produzir energia ou para construir novas proteínas.
Embora as fontes de proteínas completas, como carnes, contenham BCAAs, a pesquisa mostrou que a suplementação adicional pode ser benéfica. Uma vantagem da suplementação desses aminoácidos reside na sua capacidade de aproveitar ao máximo o período pré e pós-treino.
Durante os exercícios com pesos ou que exigem grande esforço físico, o corpo entra em estado catabólico e se o organismo não tiver os nutrientes necessários para se abastecer durante o treino, ele passa a retirar os aminoácidos presentes nos músculos para suprir a demanda do corpo por energia. O resultado disso é a perda de massa muscular, portanto, é muito importante a suplementação com BCAA antes e depois do treino.

Por que tomar BCAA?


O BCAA possui um papel muito importante na recuperação de lesões musculares, lesões essas formadas durante um treino de musculação. Durante o treino, o corpo entra em estado catabólico (o catabolismo muscular é um processo onde existe um desgasto energético muscular, ou seja, uma degradação da massa muscular) e se o organismo não tiver os nutrientes necessários para se abastecer durante o treino, ele passa a retirar os aminoácidos presentes nos músculos para suprir a demanda do corpo por energia. E o resultado disso é a perda de massa muscular.
O BCAA estimula a produção de insulina, que é um hormônio altamente anabólico, e que com sua elevação, propicia uma ótima absorção dos aminoácidos e outros nutrientes, servindo de matéria-prima na construção dos músculos, e permite uma maior entrada de glicose nas células, dando mais energia durante os treinos. Por esses fatores citados, entende-se porque o período ideal para se consumir os BCAA’s é antes e depois dos treinos, para pode suprir todas essas necessidades.

Benefícios do BCAA


O BCAA pode ser utilizado como otimizador de desempenho tanto no esporte, quanto para praticantes de academias.
Em um estudo de Rogero e Tirapegui (2007) em relação a suplementação de BCAA sobre o anabolismo proteico muscular e diminuição da lesão no pós-treino. O resultado do estudo mostrou que a suplementação induziu a uma maior mobilização de proteínas da tradução do RNAm, contribuindo para uma estimulação maior da síntese proteica.
No pós-treino o BCAA, assim como qualquer outro aminoácido essencial, auxilia de forma positiva na síntese proteica, recuperando e aumentando o músculo para o próximo treino.  Porém foi verificado que o BCAA melhora os níveis plasmáticos de glutamina para a recuperação pós-treino (Blomstrand et al., 1995).
Além de competir com outro aminoácido o triptofano, acaba tornando o hormônio serotonina circulante na corrente sanguínea (Rossi e Tirapegui, 2004), diminuindo a percepção de esforço, aumentando assim, o peso e cargas em treinos de força, ou, acrescentando uma maior resistência em exercícios endurance(longa duranção).

Malefício do BCAA


O excesso de qualquer aminoácido mesmo que ligado a poucas ligações peptídicas pode trazer malefícios. Na sua quebra no estômago quando desnaturada pode causar em altas doses estresse renal, causando desconforto e náuseas, e se não procurar um médico o problema pode ficar grave resultando em cálculos renais decorrente do excesso de amônia nos rins.

Ingestão do BCAA


O uso da quantidade recomendada do BCAA é variável. Se o indivíduos possui em sua alimentação grandes doses de aminoácidos essenciais de cadeia ramificada (BCAA’s) a necessidade diminui. Porém estudos mostram que o BCAA tem a recomendação pode ser de 0,20g/Kg o que em média para uma pessoa de 75Kg X 0,20g de BCAA daria 15g.
Quantidades menores também vão surtir efeito, mas para se obter um melhor desempenho e uma recuperação mais rápida, uma dosagem maior será necessária para uma maior eficiência.
O BCAA Pode ser ingerido antes do treino para aumentar o rendimento do treino, depois do treino para interromper o catabolismo gerado pelo treino e durante o dia para diminuir ao máximo a perda de massa.
Mais dicas em: http://www.dicasdetreino.com.br
Compre BCAA barato agora mesmo

quarta-feira, 13 de abril de 2016

FARMANGUINHOS ESTÁ PRODUZINDO OSELTAMIVIR 75MG PARA COMBATER A "GRIPE SUÍNA"

No início deste ano, o ministério encomendou ao laboratório público Farmanguinhos, da Fiocruz, quantidade de medicamento oseltamivir (Tamiflu) suficiente para tratar 1,5 milhão de pessoas, o dobro do solicitado em 2015, quando 769 mil tratamentos foram pedidos. Além da nova remessa, o ministério conta ainda com 1 milhão de tratamentos em estoque.

A encomenda de 2016 é a segunda maior em sete anos, inferior apenas ao volume pedido em 2010, quando ainda acontecia a pandemia e o ministério comprou da Farmanguinhos 1,7 milhão de tratamentos, conforme dados do próprio laboratório. Com o fim do surto no mesmo ano, o estoque de medicamentos comprado do laboratório público foi suficiente ainda para abastecer o País nos anos de 2011, 2012 e 2013.

A estimativa do número de pessoas que serão tratadas neste ano pode crescer ainda mais se forem incluídos os lotes do medicamento nas dosagens infantis. Como a Farmanguinhos produz apenas as unidades de 75 miligramas, para adultos, a versão do oseltamivir para crianças é comprada do laboratório Roche. A empresa não informou quantas unidades foram pedidas neste ano, mas afirmou que, no ano passado, foram vendidas ao governo federal 558 mil caixas do Tamiflu nas dosagens de 30 e 45 miligramas.

O ministério informou que a compra de medicamentos no Sistema Único de Saúde (SUS) segue o cronograma e a compra de oseltamivir é uma medida preventiva para evitar o desabastecimento em Estados e municípios. De acordo com o órgão, a distribuição do remédio está regular em todo o País e é feita conforme demanda estadual.


Para a infectologista Nancy Bellei, professora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e integrante da Sociedade Internacional de Influenza e Doenças Respiratórias, o volume de antiviral encomendado pelo ministério reflete preocupação com o impacto da epidemia neste ano. "Com o que está acontecendo em São Paulo, com casos precoces e óbitos, o ministério talvez esteja com uma preocupação de que esse surto possa ser igual aos de 2009 e 2013", diz ela. No ano da pandemia, 2.060 pessoas morreram no País por complicações do H1N1. Em 2013, segundo pior surto, foram 768 óbitos. Em 2016, já são 71 vítimas, mas o período de pico de casos costuma ocorrer no inverno.
Matéria de Fabiana Cambricoli - O Estado de S. Paulo - 07/04/2016
Siga @Estadao no Twitter

sábado, 2 de abril de 2016

PÍLULA "CONTRA O CÂNCER". OS PACIENTES NÃO PODEM ESPERAR

É PRECISO RESOLVER ESSA SITUAÇÃO URGENTEMENTE
O ministro da Ciência e Tecnologia, Celso Pansera, disse nesta quarta-feira (30) que irá sugerir ao Congresso e à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) a liberação da fosfoetanolamina como suplemento alimentar.
"Seria uma forma de tirar essa substância do câmbio negro e dar legalidade a esse produto", afirmou em coletiva de imprensa. "Sabemos que existe um mercado subjacente."
Segundo Pansera, a ideia é propor um projeto para que a substância, que ficou conhecida como "pílula do câncer", possa ser produzida e distribuída em farmácias e lojas legalizadas, mas sem o status de medicamento.
A distribuição ocorreria antes mesmo do fim das pesquisas pré-clínicas, em animais, e clínicas, em humanos, etapas consideradas fundamentais para comprovar a segurança e a eficácia do produto contra o câncer.
Questionado, o ministro disse que a decisão se baseia no resultado dos primeiros estudos realizados com a substância, por meio de testes in-vitro, que mostram que ela não é tóxica aos seres humanos.
Por: NATÁLIA CANCIAN - DE BRASÍLIA - 30/03/2016
Marcus Leoni/Folhapress

sexta-feira, 1 de abril de 2016

MAIOR LABORATÓRIO PÚBLICO DO BRASIL COMEMORA 40 ANOS DE BONS SERVIÇOS PRESTADOS A POPULAÇÃO

FARMANGUINHOS DESENVOLVE BIOLARVICIDA CONTRA AEDES AEGYPTI
 
RIO - Muitas vezes, até moradores da região têm dificuldade para definir o que é Barra, Curicica ou Jacarepaguá. Uma solução usual é dizer que um certo trecho da Estrada dos Bandeirantes é o “lugar onde ficam as fábricas de farmácia”. De fato, a via e suas proximidades abrigam diversas indústrias farmacêuticas. Duas delas, o laboratório Servier e o Instituto Farmanguinhos, maior laboratório público do país, chegam a 2016 completando 40 anos de operação. Enquanto o primeiro aproveita a data para abrir suas portas a visitantes e anuncia a produção de cerca de 15 novos medicamentos nos próximos cinco anos, o segundo, que vê novo biolarvicida elaborado por sua equipe começar a ser comercializado, tenta se expandir, em termos de área e de desenvolvimento tecnológico.
Biolarvicida contra o Aedes aegypti desenvolvido por equipe do Farmanguinhos - Barbara Lopes / bárbara lope

Vinculado à Fiocruz, Farmanguinhos é o laboratório público brasileiro com maior capacidade de produção de remédios, cerca de 40. O que não significa que sua operação seja a maior atualmente. Como atende à demanda do Ministério da Saúde, o instituto depende de programas do governo federal para definir quantos e quais medicamentos serão fabricados, todos para o SUS. O diretor executivo, Hayne da Silva, explica que, desde 2005, a escala produtiva foi reduzida, mas, por outro lado, os produtos foram aperfeiçoados.
— Além de repassar dinheiro, o Ministério da Saúde entregava kit de medicamentos. Mas, nesse ano, houve uma mudança na forma de financiamento da assistência de medicamento básico aos municípios. A partir de 2005, o governo federal passou a somente repassar dinheiro, e o município decide onde compra remédios. Agora, ficamos só com programas estratégicos do ministério, como os de combate à Aids, hepatite C, esquistossomose, tuberculose e filariose. Em compensação, nós nos aperfeiçoamos e hoje entregamos remédios de maior valor — diz.
Com cerca de 700 funcionários, Farmanguinhos produz hoje 11 tipos de medicamento, sendo seis na própria fábrica, em Jacarepaguá; e cinco por meio de parcerias com laboratórios privados. Esse tipo de operação permitiu, inclusive, a criação de um novo biolarvicida, que começará a ser comercializado agora, contra o mosquito Aedes aegypti. A tecnologia foi desenvolvida pela equipe de pesquisa do instituto, mas será produzida por outro laboratório.
Dentro da fábrica. Máquinas da Farmanguinhos realizam o encapsulamento dos remédios produzidos - Barbara Lopes / Agência O Globo

Essa relação entre o público e o privado explicita o panorama da indústria no país, onde o desenvolvimento farmoquímico, ou a criação de princípios ativos usados nos remédios, estagnou-se nas últimas décadas. Silva diz que hoje o Brasil é soberano somente na área farmacêutica, isto é, na transformação de princípios ativos em medicamentos. Os insumos utilizados são todos importados, e as tecnologias desenvolvidas dependem de laboratórios particulares para produção em larga escala.
— O Brasil tem conhecimento para produzir tecnologia, mas falta política de incentivo — explica Silva, que ocupa o cargo de diretor executivo de Farmanguinhos desde 2009 e antes era funcionário da área de pesquisas do instituto.

Hayne da Silva é o atual diretor de Farmanguinhos e é funcionário da Fiocruz desde 1985 - Barbara Lopes / Bárbara Lopes
EXPANSÃO EM PAUTA

Apesar das dificuldades que enfrenta, o Instituto Farmanguinhos está em conversas com a administração da UFRJ para conseguir um terreno e, assim, poder se desenvolver na área farmoquímica.
— O novo biolarvicida que desenvolvemos é um exemplo da nossa capacidade técnica. Mas não conseguimos hoje produzir tecnologia própria em escala industrial. Estamos caminhamos para um projeto que mudaria esse paradigma. Até porque precisamos desenvolver produtos ignorados pelo mercado, como drogas para doenças tropicais, malária, filariose. Hoje o que dá dinheiro, e assim se direcionam as pesquisas privadas, são diabetes e hipertensão — afirma...

quinta-feira, 31 de março de 2016

BIOTINA CONTRA QUEDA DE CABELO

Para combater a queda de cabelo e fazer o cabelo crescer mais rápido, deve-se tomar 200 a 1000 μg de biotina por dia através da ingestão diária de alimentos ricos em biotina e, principalmente, da ingestão de um suplemento de biotina, sob orientação do médico ou nutricionista. Vale ressaltar que, a quantidade de biotina em cada suplemento varia de acordo com a sua marca.
A biotina é uma vitamina do complexo B que ajuda a evitar a queda de cabelo, no entanto, o suplemento de biotina também pode ser usado para fortalecer as unhas, diminuir a caspa e hidratar a pele.

Além do suplemento de biotina, para o cabelo crescer mais rápido existem também shampoos com biotina que podem ser utilizados diariamente nos cabelos, porém o seu efeito para fortalecer os cabelos ainda não está comprovado.

sábado, 26 de março de 2016

ALIMENTE SEU PET CORRETAMENTE


ESCOLHA A RAÇÃO IDEAL
qual a melhor ração
COMPRE RAÇÃO PREMIUM E SUPER PREMIUM AGORA MESMO

No Brasil, hoje, temos diversos tipos de ração com qualidades diferentes. Para facilitar o entendimento, vamos classificá-los em três grupos. As Super Premium tem melhor qualidade, mas cada cão irá se adaptar a uma ração diferente, não tem regra.

RAÇÕES POPULARES

São produtos mais baratos que existem no comércio. Normalmente, formuladas com subprodutos de milho, soja, farelo de algodão, etc. Tais ingredientes na ração de uma vaca, ou de um cavalo, seriam de excelente digestão, mas, voltando àquela historinha, nosso amigo é um carnívoro e precisa de proteína de origem animal, pronta a ser assimilada pelo seu organismo. Normalmente vende à granel (por peso) em feiras e mercearias. Não são recomendadas.

OBS.: Os vegetarianos de quatro patas têm a capacidade de transformar proteínas e carboidratos de baixa qualidade em “produtos mais nobres”. Os cães e gatos precisam dos produtos nobres já prontos.

RAÇÕES "STANDARD"

São produtos de empresas de renome, na maioria das vezes, buscam através da mídia uma fatia maior do mercado consumidor. Por serem produtos de empresas maiores, têm um compromisso maior com a sua qualidade e são formuladas com ingredientes qualitativamente melhores que as rações populares. Contêm farinha de carne e ossos, glúten de milho, gordura animal, etc. Porém ainda não são “ideais” quanto à digestibilidade, porque se alcança o percentual de proteína com ingredientes de menor digestibilidade como a soja ou o glúten. Quanto ao custo, estão numa faixa intermediária de preços.

MARCAS DE RAÇÃO STANDARD
– Alpo
– Biriba
– Big Boss
– Champ
– Deli Dog
– Dog Show
– Herói
– Kanina
– Frolic
– Líder
– Nero
– Pitty

RAÇÕES PREMIUM E SUPER PREMIUM

São produtos de primeira qualidade, em nutrição canina, por isso mais caros. Têm sua formulação baseada em carne de frango, ovelha, peru… Porém, realmente carne, ou resíduos de abatedouro, como digestas de frango por exemplo. Tais ingredientes, de origem animal, têm maior digestibilidade, ou seja, o trato digestivo canino tem menos “trabalho” para metabolizá-los. Esta é outra característica das rações premium, como a digestibilidade é maior, o consumo diário de ração é menor (o que ameniza o preço da ração). Promovem, ainda, uma vida mais saudável. e reduzem o volume das fezes do animal.

– Baw Waw
– BomGuy
– Dog Chow
– Excellence
– Ecopet
– Foster
– Gran Plus
– K&S
– Max
– Naturalis
– Pedigree
– Sabor e Vida
– Vitalcan
– Vitta Natural

As Rações Super Premium são assim classificadas a partir de um certo percentual de digestibilidade, o que pode variar de acordo com os interesses dos fabricantes, pois não há um “padrão” neste sentido. Como consumidor, para saber se a ração é de alta digestibilidade, ou não, basta analisar na embalagem os ingredientes que compõem a ração. As fontes proteicas devem ser de origem animal (carne de frango, carne de peru, digestas de frango, carne de ovelha, ovos, etc.). E as fontes de gordura também, ou pelo menos óleos vegetais nobres como, por exemplo, óleo de linhaça. Fontes proteicas vegetais como soja, glúten, etc. não têm alta digestibilidade. É bom desconfiar de produtos que têm em sua relação de componentes coisas como “carne de aves” (urubú também é ave / e de que parte da ave estão falando? Pena e bico são proteína pura e de baixíssima digestibilidade). O que pode aumentar a digestibilidade da ração é a presença de fibras de moderada fermentação (p.ex. polpa de beterraba branca), que aumenta a eficiência absortiva dos enterócitos. Outro ingrediente que melhora a digestibilidade são os F.O.S. (fruto oligo sacarídeos), que alimentam a microbiota intestinal, ou seja, beneficia o crescimento de “boas bactérias” no intestino, o que leva a uma melhor fermentação do bolo alimentar.

– Eukanuba
– Cibau
– N&D
– Royal Canin
– Hill’s
– Proplan
– Golden e Premier Pet
– Equilíbrio
– Ciclos
– Huggy
– Premiatta
– Premier

Resumindo, quando compramos uma ração, devemos estar atentos aos níveis de garantia (percentuais de proteína, gordura, etc. ) e a qualidade dos ingredientes. Por exemplo, uma ração para cachorro deve ter, no mínimo, 18% de proteína. O que é relativo porque carne é fonte de proteína e pena da galinha também. Carne é bem mais digerível que pena. Outro detalhe é o equilíbrio entre percentuais de proteína e gordura. Não é eficiente uma ração com 30% de proteína e 8% de gordura, nem outra com 18% de proteína e 20% de gordura. Cachorros com problemas renais não podem ingerir muita proteína. Sempre converse com seu veterinário antes de escolher uma ração pro seu cachorro.


Um quarto grupo de rações pode ser citado, as rações terapêuticas. Têm indicação clínica sendo auxiliares no tratamento de diversas enfermidades. Seu uso deve obedecer aos critérios do Médico Veterinário responsável pelo cão.



RAÇÃO IDEAL PARA YORKSHIRE

Apesar de existirem rações específicas para raças de cães, muitas vezes os cães não se adaptam a essa ração. Ou ficam com alergia, ou o pelo cai muito, ou ele tem diarreia, ou faz cocô demais. Enfim, cada cão é um cão e não necessariamente porque uma ração foi feita pra raça do seu cachorro é que ele irá se adaptar melhor à ela.

sexta-feira, 25 de março de 2016

POR QUE USAR QUITOSANA

QUITOSANA. COMO FUNCIONA?


Entre as tantas fórmulas e substâncias emagrecedoras, está a quitosana, uma fibra natural extraída do exoesqueleto, membrana que reveste o corpo de frutos do mar, como lagostas, camarões, siris e caranguejos, que auxilia no trânsito intestinal.


quitosanaChamada também de “esponja natural”, esse produto funciona como um bloqueador dentro do nosso corpo, impedindo que a gordura presente nos alimentos seja absorvida pelo organismo, sendo eliminada de forma rápida e eficaz.

Quitosana realmente emagrece?

Apontado como o mais famoso e mais poderoso emagrecedor, este produto é vendido em cápsulas e comprimidos. Seu uso deve ser recomendado e acompanhado por um especialista – médica ou nutricionista – para garantir melhor eficiência de resultados, uma vez que a quantidade diária a ser consumida varia de pessoa para pessoa.
Todavia, não existem estudos comprobatórios que atestem a eficácia desse composto quando tomado sem estar atrelado a um regime hipocalórico ou atividades físicas, uma vez que seriam necessárias enormes quantidades para se obter um resultado considerável de emagrecimento sem nenhum tipo de complemento.
Entretanto, o que realmente se sabe é que esta substância age como um inibidor de apetite e promove a sensação de saciedade mais rapidamente e por maior tempo, fazendo com que o indivíduo ingira menos comida durante as refeições e coma menos no decorrer do dia.
Quitosana em Cápsulas
COMPRE HOJE MESMO
Este remédio também é um dos mais comercializados no Brasil e nos Estados Unidos, pois sua venda é liberada sem receita médica, o que torna sua aquisição mais fácil. Contudo, nem todos são aptos a consumir este produto. Consumidores alérgicos ou com intolerância a crustáceos ou a frutos do mar não devem utilizá-lo. Grávidas e mulheres em fase de amamentação também devem evitar o consumo.
Segundo diversos relatos, quitosana emagrece para pessoas que controlam um pouco a alimentação. Nesse caso sim, Quitosana serve para emagrecer.
Aprovado pelo FDA – órgão americano que regulamenta o uso de medicamentos e alimentos – e pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), esse produto é vendido por aqui em potes, tabletes, sachês e caixas de diversos tamanhos e quantidades. Além disso, para otimizar seu uso, existem sabores e combinações variadas.

Como funciona a Quitosana

Essa substância deve ser ingerida 30 minutos antes das refeições. Ela entra no organismo em forma de gel e “ataca” as células de gordura, abraçando-as. Dessa forma, nosso corpo não absorve as gorduras alimentares e as enzimas digestivas também não as atacam, sendo excretadas diretamente.
quitosana-em-pilula
DEIXE QUITOSANA TE DAR UMA FORCINHA


Quimicamente, funciona assim: a quitosana apresenta fórmula de carga positiva por todo seu polímero de sua unidade, fazendo com que atraia moléculas carregadas de forma negativa, no caso, a gordura. Esse processo ocorre ainda no estômago.
Quando entram em contato, a quitosana envolve a gordura e a leva para o intestino. Em contato com um pH mais elevado (denominado básico), essa substância se solidifica, envolvendo ainda mais as células gordurosas, que são eliminadas, sem entrar no organismo, pelas fezes.
Mas esse medicamento possui limitações. A quitosana absorve somente oito vezes o seu peso, ou seja, para cada grama são absorvidas oito de gordura alimentares.

quinta-feira, 24 de março de 2016

OS BENEFÍCIOS DO GOJI BERRY

Os benefícios do Goji Berry
O goji berry é o fruto da planta Lycium barbarum, originária das montanhas do Tibet. Ele se destaca por ser rico em vitamina C, nutriente que melhora o sistema imunológico, o humor e evita problemas oftalmológicos e derrames e ajuda a emagrecer. Além disso, a fruta tem ação antioxidante e anti-inflamatória, equilibra os níveis do colesterol e protege o coração e o cérebro. 
Goji Berry ainda ajuda a diminuir as celulites e previne o diabetes e o câncer. O alimento é a maior fonte conhecida de carotenoides e por isso contribuir para evitar problemas de visão e pode proporcionar fotoproteção adicional em pessoas mais suscetíveis aos raios ultravioletas.  

NUTRIENTES DO GOJI BERRY

100 gramas de goji berry contam com 50 vezes mais vitamina C do que uma laranja. Este nutriente é responsável por uma série de benefícios para o organismo. A vitamina C melhora a imunidade, o humor, ajuda a emagrecer, diminui o estresse, evita o envelhecimento da pele, proporciona resistência aos ossos, previne e melhora gripes e resfriados, contribui para a absorção de ferro, previne derrames e tem ação antioxidante. 
O alimento ainda é a maior fonte conhecida de carotenoides. Esta substância é importante para a saúde da pele e da visão. Uma pesquisa da Universidade de Sidney sugere que o goji berry pode proporcionar fotoproteção adicional em pessoas mais susceptíveis aos raios ultravioletas. 
O fruto também é rico em vitaminas do complexo B, especialmente a B1, B2 e B6. A vitamina B1 ajuda no funcionamento do sistema nervoso, muscular e cardíaco e é responsável por participar do metabolismo da glicose. A deficiência deste nutriente pode causar lesão cerebral potencialmente irreversível. 
Pesquisas apontam a importância da vitamina B2 como fator de proteção contra doenças cardiovasculares e processos tumorais. Já a vitamina B6 auxilia na degradação da homocisteína, substância que quando está em excesso na corrente sanguínea pode aumentar os riscos de doenças cardiovasculares. Além disso, ela tem um papel importante no metabolismo das proteínas, carboidratos e lipídeos e sua principal função é a produção de epinefrina, serotonina, que proporciona bem-estar, e outros neurotransmissores. 




O goji berry também conta com 19 aminoácidos, incluindo os oito essenciais que o nosso organismo não consegue produzir e precisa adquirir por meio da alimentação. Os aminoácidos apresentam função essencial na manutenção da massa muscular, formação de células, proteínas e tecidos importantes. 
O fruto possui 21 minerais, estas substância tem função primordial na manutenção do equilíbrio hidroeletrolítico do organismo, manutenção da pressão dentro e fora das células e função protetora diminuindo os riscos de doenças. Entre os minerais, o alimento se destaca pela presença do germânio que possui atividade anticancerígena. 
O goji berry conta com beta-sisterol, que tem ação anti-inflamatória, cyperone, um fito-nutriente que proporciona benefícios ao coração e pressão sanguínea e fisalina, importante para portadores de hepatite B e C. A betaína também está presente no fruto, ela é usada pelo fígado para produzir colina, substância necessária para a formação de fosfolípides, componentes de todas as membranas celulares. Por fim, o goji berry conta com polissacarídeos, especialmente as beta-glucanas conhecidos como modificadores da resposta imunológica contra processos infecciosos. 

Benefícios comprovados do goji berry

Ajuda a emagrecer: Uma pesquisa publicada em 2011 no Journal of the American College of Nutrition mostrou que a ingestão diária de 120 ml de suco de goji berry durante 14 dias foi capaz de reduzir a circunferência da cintura e aumentar as taxas metabólicas em seres humanos em relação ao grupo controle que tomou um suco placebo. 
Outro estudo publicado em 2005 no mesmo periódico observou que indivíduos com quantidades adequadas de vitamina C possuem 30% mais eficiência em oxidar gordura durante uma sessão de exercícios moderados do que indivíduos com baixo consumo do nutriente. 

A pesquisa também mostra que indivíduos com baixo consumo de vitamina C podem ser mais resistentes à perda de massa gorda. 45 gramas de goji berry contam com 90 gramas de vitamina C, que é exatamente a quantidade diária recomendada do nutriente pelo Recommended Dietary Allowances do Governo dos Estados Unidos. Além disso, o goji berry é pouco calórico, uma colher de sopa do fruto conta com 50 calorias. 

Diminui as celulites: O fruto é rico em beta-sisterol, nutriente com ação anti-inflamatória que melhora a celulite, já que ela é caracteriza por uma inflamação. Além disso, o alto teor de fibras da fruta aliado ao beta-sisterol contribui para estabilizar os níveis de colesterol, que em excesso pode aumentar as celulites. 

Melhora o sistema imunológico: O goji berry é rico em vitamina C. Este nutriente aumenta a produção de glóbulos brancos, células que fazem parte do sistema imunológico e que tem a função de combater microorganismo e estruturas estranhas ao corpo. A vitamina também aumenta os níveis de anticorpos no organismo. Assim, ela ajuda a fortalecer o sistema imunológico, deixando nosso corpo menos suscetível a doenças. 

Melhora a visão: O fruto é a maior fonte conhecida de carotenoides. Este nutriente é responsável por prevenir e auxiliar a saúde da visão. Alguns estudos também apontam que o goji berry possui quantidades significativas de zeaxantinas que melhoram a função da retina. 

Protege a pele: Os carotenoides presentes no goji berry também irão proporcionar benefícios para a pele. Uma pesquisa da Universidade de Sidney sugere que o goji berry pode oferecer fotoproteção adicional em pessoas mais susceptíveis aos raios ultravioletas. 

Ação anticancerígena: Uma pesquisa realizada em 2012 e publicada no Journal of the American College of Agriculture sugere que os polissacarídeos presentes no goji berry podem inibir a proliferação de células HeLa, tipo de células cancerígenas, por indução de morte celular. Os resultados mostraram que o fruto pode agir principalmente no câncer de colón e de colo de útero. 

Previne doenças cardiovasculares: Estudos publicados na Nutrition Research em 2009 indicam que o aumento do consumo de goji berry, por conter vitaminas C, E e A faz com que a ação antioxidante aumente e a oxidação do colesterol ruim, LDL, diminua. Consequentemente, o risco de doenças cardiovasculares diminui. 




Goji berry também previne o câncer - Foto: Getty Images
Goji berry também previne o câncer

Além disso, o beta-sisterol presente no goji berry tem ação anti-inflamatória e também contribui para estabilizar os níveis do colesterol. Já a vitamina B6 auxilia na degradação da homocisteína, substância que quando está em excesso na corrente sanguínea pode aumentar os riscos de doenças cardiovasculares. 

Protege o cérebro: O goji berry conta com ácidos graxos essenciais que são necessários para a síntese de hormônios e regulam o funcionamento do cérebro e sistema nervoso. Além disso, as vitaminas do complexo B e a forte ação antioxidante da fruta também contribuem para evitar problemas neurológicos. 

Proporciona bem-estar: A vitamina B6 presente no alimento tem como principal função a produção de alguns neurotransmissores, entre eles a serotonina, que proporciona bem-estar. 

Ação antioxidante: O goji berry possui forte ação antioxidante, isto porque ele é a maior fonte conhecida de carotenoides, substância que se destaca por esse benefício. Além disso, a vitamina C presente em grandes quantidades no alimento também tem ação antioxidante. 

Possíveis benefícios do goji berry

Previne diabetes: Um estudo preliminar publicado no African jornal of tradicional, complementary, and alternative medicine mostrou que por possuir polissacarídeos o goji berry produz um efeito hipoglicemiante significativo quando administrado por via oral nos ratos, melhorando não só a glicemia de jejum como níveis de colesterol total e triglicérides em modelos animais diabéticos. Porém, não existem estudos que comprovem essa ação em seres humanos. 

Quantidade recomendada de goji berry

Para alcançar o efeito medicinal, a dosagem diária recomendada de goji berry é entre 15 e 45 gramas ou 120 ml do seu suco. 

Como consumir o goji berry


O ideal é consumir o goji berry de manhã, pois ele irá proporcionar energia para o dia que vai começar. O alimento pode ser misturado a outras frutas ou a saladas, sucos e iogurtes. No Brasil é difícil encontrar a versão in natura do goji berry, normalmente ele é consumido desidratado. Caso o alimento seja ingerido na versão desidratada é recomendado ingeri-lo com um líquido para hidratar as fibras e potencializar os efeitos benéficos. Outra opção interessante é consumir o goji berry na forma de suco. 

Suplementos e chás de goji berry

Algumas pessoas optam por beber o chá de goji berry, porém ainda não existem indicações ou estudos científicos renomados que comprovem os benefícios desta bebida. Os suplementos do goji berry só podem ser ingeridos após orientação médica e também não existem pesquisas científicas renomadas que mostrem que se eles possuem pontos positivos para a saúde. 

Compare o goji berry com outros alimentos

Quando comparado com outros alimentos, o goji berry se destaca pela grande quantidade de nutrientes. 45 gramas de goji berry contam com 22 vezes mais vitamina C do que uma laranja. 
O fruto ainda conta com seis vezes mais vitamina c do que o kiwi, outro alimento possui grandes valores deste nutriente. O goji berry ainda conta com mais carotenoides do que qualquer outro alimento conhecido, como a cenoura. 

Contraindicações




O goji berry tem ação antioxidante - Foto: Getty Images
O goji berry tem ação antioxidante

Acredita-se que alguma substância do goji berry interaja com o P450, local no fígado onde muitos medicamentos são metabolizados. Por isso, o consumo do alimento não é indicado para quem faz uso de medicações diárias importantes como para o controle glicêmico e de pressão. 

Riscos do consumo em excesso

Alguns estudos realizados nos Estados Unidos apontam que o consumo excessivo de chás de goji berry tem ação inibitória de medicação utilizada para evitar trombose ou anticoagulantes.