Banner 300 x 250
Banner 250 x 250

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

MICROCEFALIA PODE ESTAR RELACIONADA A ZIKA VÍRUS

O Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz), por meio do Laboratório de Flavivírus, concluiu diagnósticos laboratoriais que constataram a presença do genoma do vírus Zika em amostras relativas a duas gestantes do estado da Paraíba, cujos fetos foram confirmados com microcefalia através de exames de ultrassonografia, conforme publicado pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira (17/11). O material genético (RNA) do vírus foi detectado em amostras de líquido amniótico, com o uso das técnicas de RT-PCR convencional e de RT-PCR em tempo real. Os resultados obtidos foram reconfirmados através da técnica de sequenciamento parcial do genoma viral detectado nas amostras. Foi detectado o genótipo asiático – são conhecidos dois genótipos do vírus Zika, os genótipos asiático e africano. Os resultados foram comunicados ao Ministério da Saúde. Apesar de ser um achado científico importante para o entendimento da infecção por Zika vírus em humanos, os dados atuais não permitem correlacionar diretamente, de forma causal, a infecção pelo virus Zika com a microcefalia. Tal entendimento se dará por estudos coordenados pelo Ministério da Saúde e outras instituições de saúde que investigam as causas de microcefalia no país.... Matéria Completa em: http://portal.fiocruz.br